/Alcoutim e Fóia: Algarve “interior” em movimento

Alcoutim e Fóia: Algarve “interior” em movimento

Alcoutim e Fóia: Algarve “interior” em movimento

O Algarve “interior”, mais afastado da costa litoral, também apresenta um grande potencial turístico. Para quem pensa em comprar casa no Algarve, é uma garantia de que não faltarão atividades e motivos de interesse ao longo do ano; e para quem quer comprar numa ótica de investimento, estas iniciativas servem para valorizar o potencial de uma casa de férias ou de “retirement”, onde há bem mais para ver e fazer do que as praias.

Festival do Contrabando

Em Alcoutim, no último fim de semana de março, aconteceu o Festival do Contrabando, cujo ponto alto foi a inauguração de uma ponte pedonal provisória unindo a vila com a sua “gémea” de Sanlúcar de Guadiana, na margem esquerda do rio. Estiveram presentes diversas individualidades, nomeadamente a Secretária de Estado da Cultura, Ângela Ferreira, e os presidentes da Região de Turismo do Algarve e da Associação de Municípios do Algarve, tendo estes últimos integrando a dança do “Apita o Comboio”, na animada festa que se realizou na pousada de Sanlúcar de Guadiana.

Com música, mercado dos ofícios, feira, teatro e muita animação, o Festival do Contrabando celebra as tradições deste povo de fronteira que ganhava a vida a contornar a lei, e que hoje pode circular livremente; espera-se que no futuro ainda mais, pois há a intenção de construir uma ponte definitiva a ligar as duas vilas.

Passadiço da Fóia

De acordo com o Sul Informação, a Câmara Municipal de Monchique está a planear a construção de um passadiço no alto da Fóia, juntamente com a preservação de um “habitat” natural do rododendro (flor conhecida como adelfeira, no local, e de grande simbolismo cultural). O objetivo é que seja retomada a proteção da floresta Laurissilva. Conforme descreveu o autarca monchiquense, Rui André, “as pessoas vão à Madeira, aos Açores ou às Canárias para ver floresta Laurissilva”; contudo, “basta vir a Monchique”, de onde este habitat é igualmente natural.