/Algarve turístico bate recordes
Algarve turístico Vale do Lobo

Algarve turístico bate recordes

Algarve turístico bate recordes

O ano de 2017 foi sem dúvida memorável para a industrial turística algarvia e para o conjunto da região. Foram batidos vários recordes nos indicadores que medem os resultados económicos do turismo algarvio.

Os primeiros onze meses de 2017 mostraram um número recorde de 18,5 milhões de dormidas, com um crescimento assinalável de cerca de 13% em relação a igual período de 2016. Os números de receitas e de taxas de ocupação refletem esta realidade extraordinariamente positiva. Os indicadores de utilização do Aeroporto de Faro, com um aumento de 14,4% no número de passageiro em relação ao período homólogo de 2016. Em grande sintonia com o número de dormidas, este indicador revela a capacidade que o Algarve está a mostrar de captar novos visitantes em diferentes mercados internacionais.

 

Recorde no número de voltas de golfe

O ano passado foi também aquele em que batido o recorde de voltas de golfe realizadas na região, sendo este o principal indicador para avaliar a capacidade e o andamento geral da indústria de golfe. Resultados estes que refletem uma tendência que se tem vindo a verificar nos últimos anos.

A aposta tática na divulgação, correspondendo à aposta estratégica num produto que funciona principalmente na época baixa do turismo, tem vindo a dar os seus frutos. Vale acrescentar que as voltas de golfe algarvias representam 70% do total nacional, o que também reflete bem a dinâmica especial deste “cluster” na região.

Algarve golf

Propriedades para venda com vista para o Golfe 

E o Brexit?

Os números são ainda mais impressionantes se tivermos em conta que o principal mercado algarvio, o inglês, se encontra em quebra, devido ao Brexit. Em julho, a hotelaria algarvia tinha registado uma diminuição de cerca de 17% no número de turistas britânicos, e a incerteza que se prolonga em torno do processo político não permite fazer grandes previsões.

Todavia, nem tudo são más notícias vindas do Reino Unido. Um estudo recente (“Post Office Holiday Money Report”) revelou que o Algarve é o segundo destino de férias mais barato para os turistas ingleses, apenas atrás de uma região na Bulgária. Tendo em conta a desvalorização da libra, é de esperar que o mercado britânico continue a olhar para a região como uma boa alternativa de férias.