/Imobiliário: Portugal é o mais país mais procurado do mundo
Mercado internacional - Portugal

Imobiliário: Portugal é o mais país mais procurado do mundo

Imobiliário: Portugal é o mais país mais procurado do mundo

Segundo um relatório do portal internacional de imobiliário ListGlobally, Portugal foi em 2018 o país do mundo que recebeu mais pedidos de informação para compra e/ou visita de imóveis por parte de potenciais clientes internacionais, ou estrangeiros. A informação foi veiculada pelo site PortugalResident.

De acordo com o relatório, o mercado imobiliário português conseguiu receber 20% dos pedidos de informação a nível mundial, recebidos pela plataforma do ListGlobally.

Estados Unidos, França e Itália

Segundo o PortugalResident, Portugal foi a primeira escolha para procura de segunda habitação ou casa de férias ou reforma para os nacionais de três países: Estados Unidos, França e Itália. No caso da França, o relatório aponta que um terço dos pedidos de informação enviados por cidadãos franceses teve propriedades portuguesas como destino.

ListGlobally

A ausência de referências ao mercado britânico num relatório desta natureza leva-nos a olhar para os dados com algum ceticismo, mesmo tendo sido publicado por um site especializado em notícias portuguesas para os britânicos, como é o PortugalResident. Existem duas grandes razões, não apontadas pelo site de notícias nem pelo ListGlobally, que poderão explicar esta ausência.

A primeira é, naturalmente, o efeito de desaceleração que o Brexit continua a trazer às perspetivas económicas dos britânicos em geral, e dos potenciais compradores de casas em particular.

A segunda, talvez mais relevante, é a importância relativa e a penetração no mercado britânico do próprio ListGlobally. O portal tem sido referenciado em vários média internacionais como o “maior do mundo”, afirmando ter parcerias com mais de 120 portais nacionais de imobiliário em mais de 60 países. Contudo, no que toca a captar a atenção de potenciais clientes britânicos, o ListGlobally enfrenta a poderosa concorrência de portais há muito estabelecidos nessa área, nomeadamente o RightMove Overseas, o Idealista, o Kyero, o Green-Acres e o APlaceIntheSun.

É provável que a implantação mais sólida do ListGlobally noutros mercados (nomeadamente o francês, o italiano e o americano) dê mais visibilidade a estes países neste relatório.

A importância do mercado português

Mas isso não diminui o facto que salta à vista: Portugal começa a ser visto como um destino de compra de casa prioritário para outros mercados. Independentemente da representatitivdade dos dados “britânicos” do ListGlobally, é sem dúvida mais uma boa notícia para o imobiliário português.